Sem Globo, sem contrato. Som Livre sofre em nova fase

Som Livre sofre com perda de cantores
Marília Mendonça pode ser a próxima a deixar a Som Livre (Foto: Jacqueline Lisboa/Especial Metrópoles)

Sem Globo, sem contrato. Som Livre sofre em nova fase. A gravadora sempre foi bem vista no mercado por conta da exibição dos seus cantores na programação da Globo, principal emissora de televisão do país. Os lançamentos eram feitos em programas da casa e também com anúncios nos intervalos. Entretanto, as coisas mudaram desde que o Grupo Globo vendeu a marca.


Com esse fato, a Som Livre perdeu o seu principal diferencial. Os cantores observaram isso e começaram a repensar sobre a possibilidade de contratos mais vantajosos em outras gravadoras. De acordo com o site TV Pop, Henrique e Juliano seguiram por esse caminho e assinaram com a Virgin Music Label & Artist Services Brazil.

Zé Neto e Cristiano, além de Tierry, também vão assinar com a Virgin. Luan Santana, um dos principais nomes da Som Livre, assinou com a Sony. No entanto, esta gravadora foi comprada pela ex-Globo. Marília Mendonça, Maiara & Maraisa já estão com os seus contratos terminando e também estudam deixar a gravadora. O cantor Thiaguinho expôs problemas, mostrando a sua insatisfação.

“Após inúmeras tentativas de diálogo sobre sua carreira artística com a Som Livre, Thiaguinho decidiu deixar a gravadora. O fim da relação se deu por conta das dificuldades no desenvolvimento dos conceitos artísticos almejados por ele para sua carreira, que, por sua vez, configuraram no descumprimento do contrato artístico pela Som Livre. Uma relação harmoniosa, parceira e sadia é fundamental para o sucesso de um projeto artístico em comum”, em comunicado por meio da sua assessoria. De acordo com as informações, o cantor rescindiu seu contrato com a gravadora.