Balanço Geral tem maior audiência da história

Balanço Geral
Gottino cobrindo a morte de Lázaro no Balanço Geral. (Foto/Reprodução: RecordTV)

Balanço Geral dedicou o programa inteiro de ontem à cobertura da morte do serial killer Lázaro Barbosa, assim como a maioria dos programas das outras emissoras. Por exemplo, o Vem pra Cá bateu recorde com a cobertura da morte do assassino, e isso se seguiu pelos programas da RecordTV também, e com o Balanço Geral não foi diferente. O programa bateu seu próprio recorde e garantiu pela segunda vez 14 de média, dessa vez de forma decimal, e não arredondado.


Exibido entre 11h45 e 15h20, o Balanço Geral teve 14,0 pontos de média, e atingiu picos de 16 pontos na Grande São Paulo. Liderou de forma isolada contra o SP1, Globo Esporte, Jornal Hoje e Sessão da Tarde. Essa audiência foi superior ao antigo recorde do programa, que havia sido conquistado há um ano e meio atrás, em 29 de novembro de 2019, na morte de Gugu Liberato. Nessa data, o Balanço Geral bateu recorde com 13,8 pontos de média e 17 pontos de pico, e também, após o Balanço Geral seguiu com plantão, porém diferente de ontem o público se cansou e o plantão derrubou a audiência que Gottino havia conquistado ao longo das três horas.

O Balanço Geral e o Cidade Alerta foram bastante beneficiados com toda essa busca incansável por Lázaro Barbosa, o estilo da Record de jornalismo policial atraiu o público para ficar acompanhando, e as vitórias em cima do Jornal Hoje estavam frequentes há dias. Com a captura e morte do bandido, é possível que o jornal volte a ter sua audiência padrão, por volta de 8 a 9 pontos, sendo o destaque o quadro A Hora da Venenosa, que inclusive foi cancelado ontem pra dar lugar à cobertura jornalística.