Apesar de baixa audiência, Poliana Moça vence Record TV

Poliana Moça
Luísa e Poliana em Poliana Moça (Foto/Reprodução: SBT)

Apesar de baixa audiência, Poliana Moça vence Record TV. A novela “Poliana Moça” está sendo beneficiada com a falta de planejamento do setor de dramaturgia da sua principal concorrente, a Record TV. A segunda temporada da história de Poliana está longe de ser um sucesso, entretanto vai mantendo boa distância no segundo lugar.

A emissora dos bispos estreou a série “Reis” com pouca frente de episódios gravados e somente duas temporadas foram exibidas até agora. No princípio, a série contemporânea “Todas as Garotas em Mim” ocuparia o horário seguinte da série bíblica, entretanto não foi o que aconteceu.

O setor de dramaturgia da Record TV decidiu fazer um revezamento entre as duas séries e escalou uma reprise recente de “Amor Sem Igual” para ir ao ar no horário seguinte. “Poliana Moça” acabou se beneficiando e herdou o segundo lugar com a mudança sem significar um aumento de audiência, mas uma forte queda do concorrente.

Leia Também:
Carol Castro comenta sobre seu personagem em Maldivas
Bianca Andrade conta que aprendeu com cancelamento

De acordo com dados consolidados de audiência da Kantar Ibope, a novela “Poliana Moça” registrou 6,8 pontos de média nesta quarta (22), o pico foi de 7,8, ficando na segunda colocação. Sobretudo, a Globo liderou com 27,5 pontos. A Record fechou com 5,1 e a Band com 3,6 pontos de média. Todos estes dados são da região da Grande São Paulo, principal praça do mercado publicitário na televisão aberta do Brasil. A novela de Íris Abravanel vai ao ar de segunda a sexta com o resumo da semana aos sábados.

Total
9
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Previous Post
Ana Paula Renault comenta

Fofocalizando consegue a vice-liderança para o SBT

Next Post
Rafinha Bastos

Rafinha Bastos conta que João Kleber humilhava equipe

Related Posts

This website uses cookies. By continuing to use this site, you accept our use of cookies.  Saiba mais