Quando Chama o Coração

Quando Chama o Coração bate recorde e supera 20 primeiras semanas de Topíssima

Quando Chama o Coração pelo visto parece ter sido uma boa escolha da Record no quesito audiência, isso porque, pelo menos em suas primeiras semanas, a trama parece ter mais capacidade de manter o Ibope do que a reprise de Topíssima, que no início derrubava bastante a audiência que recebia de Gênesis, e só veio se reerguer mais ou menos pela metade da novela. Ontem, por exemplo, Quando Chama o Coração marcou um Ibope que Topíssima só veio ver em sua 21ª semana, cinco meses depois de sua estreia, em janeiro.

A série, que tem como protagonista Elizabeth Tatcher, exibida entre 21h58 e 22h51, marcou segundo dados consolidados do Ibope, 10.0 pontos de média, o melhor índice desde a estreia, que havia marcado 9.8 pontos. Esse índice supera o Ibope de todas as 20 primeiras semanas de Topíssima, que só veio superar os 10 pontos no decimal em 16 de junho, em seu capítulo de número 101. Antes, já havia dado 9.8 e 9.6, em dias distintos.

Também nos acompanhe no Facebook, Instagram e Twitter

Se comparadas as 3 primeiras semanas de exibição, a série Quando Chama o Coração tem média geral parcial de 7,7 pontos, uma alta de +10,39% em relação a Topíssima, que no mesmo período tinha média geral parcial de 6,9 pontos. Em relação a elevação, a série também tem se mostrado melhor que a reprise de Topíssima, visto que a trama de Antônio e Sophia já chegou a derrubar 9 pontos de Gênesis. Mesmo apesar de não elevar, Quando Chama o Coração, consegue segurar melhor os índices, e ajudar A Fazenda. Ontem, por exemplo, enquanto a série marcou 10,0 pontos de média, o reality show comandado por Adriane Galisteu, marcou 10,2 de média, apenas 0,2 a mais de elevação, o que é bem incomum se levando em conta ano passado, quando em seu segundo programa, teve uma elevação de 4,3 pontos em relação a Jesus, marcando 13,6 enquanto a reprise de Jesus teve 9,3 pontos.