Xuxa presta apoio a comunidade LGBT e detona Silas Malafaia: “engolir as m*rdas que fala”

Silas Malafaia fala de Xuxa Meneghel e apresentadora rebate
Xuxa Meneghel e Silas Malafaia trocam críticas (Foto: Reprodução/Internet)

Xuxa Meneghel participou na noite da última segunda-feira, 21 de setembro, de uma live para divulgar o lançamento oficial do seu livro Memórias. Na conversa, a eterna rainha dos baixinhos falou de vida pessoal e de assuntos polêmicos.

Em determinado momento do bate-papo, Xuxa prestou apoio a comunidade LGBTIQ+ e revelou ficar chateada quando é tachada de levantadora de bandeira. “não estou levantando bandeira, eu não gosto que as pessoas tenham preconceito ou criminalização com pessoas que sempre me respeitaram, não admitir [a homofobia], não vou engolir isso. É crime, graças a Deus, no nosso país”.

Em seguida, a loira agradece seu grande público seja LGBT e soltou elogios. “são pessoas felizes, muito educadas, muito carinhosas. São pessoas que me protege muito e se eu puder usar minha voz para proteger eles, de alguma maneira, eu vou fazer”.

Ainda na live, Xuxa Meneghel também resolveu mandar uma resposta para o pastor Silas Malafaia, que faz duras críticas contra a apresentadora: “eu preciso falar uma coisa, se eu não falar, não vai ser eu. É uma resposta para aquele pastor que disse que ‘eu só acontecia aqui no meu pais’, então esta pessoa mal informada que não gosta de gay, devia realmente engolir as M*s que ele fala, eu acho que é isso que ele tem na cabeça, então ele deveria realmente comer isso, se alimentar do ódio dele. Essa pessoa não tem mais jeito não”. detonou ela.

Xuxa também chamou atenção quando abriu um pouco sua intimidade e falou sobre o relacionamento sexual com Junno Andrade: “Se era bom, agora a gente entrou no paraíso, porque o negócio é muito bom. Vamos ser claros: tudo melhora. (…) Eu já tinha muita vitalidade, dobrou. Três, quatro horas (da manhã) e a gente querendo”, disse ela.

Sobre o livro Memórias, Xuxa deixa claro que falou de tudo um pouco. “Falei do abuso, do Ayrton [Senna, piloto falecido em 1994 e ex-namorado da apresentadora] do Pelé, que falei pouco da Marlene [Mattos, ex-diretora da artista que a acompanhou por quase duas décadas na TV], muito da minha mãe… Queria deixar claro que são as minhas memórias, não são as memórias nem de Marlene, de Pelé, de Ayrton, do Ju, da minha mãe… Se eu falei pouco ou falei muito, é a importância que eu dou para cada assunto”, contou.

Entenda a polêmica de Xuxa e Silas Malafaia

No final de agosto, Xuxa saiu em defesa de Thammy Miranda e criticou os comentários polêmicos do pastor. “Ai, como pode o ser humano usar o nome de Deus para destilar, ódio, preconceito, discriminação? Ainda falam que se não for ‘homem’ ou ‘mulher’ é coisa do diabo, como dão força e poder para o cara lá de baixo. Deus criou tudo e todos, se tem algo que foi criado pelo ‘homem’ foi o preconceito. Isso sim é coisa do mal, do diabo”.

Leia Também: Xuxa confirma saída da Record: “Infelizmente”

Após a repercussão, Silas decidiu rebater a artistas em sua rede social: “Você foi um grande absurdo da TV brasileira. Em nenhum país do 1º mundo permite q um símbolo sexual faça programa para crianças. Você fez um filme, todo mundo sabe, abusando sexualmente de um garoto de 12 anos. Se fosse hoje você estaria presa!”. revoltou-se.

This site uses cookies. By continuing to use this site, you accept the use of cookies.