Sikera Jr perde instagram após comentários homofóbicos

Sikera
Sikera Jr no Alerta Amazonas (Foto/Reprodução: TV A Crítica)

Já teve quem disse “quem lacra, não lucra”, mas agora o correto seria “quem mita não lucra”. Sikera Jr, polêmico apresentador da RedeTV, altamente conservador, chamou os gays de “raça desgraçada” ao falar da campanha do Burger King, e segue perdendo anunciantes, e gerando brigas na RedeTV, até demissões. Não foi a primeira vez que Sikera foi homofóbico, recentemente o mesmo disse que Fiuk, ex-BBB o decepcionou após beijar Gil e pular nu na piscina.


Porém, não bastou perder anunciantes, Sikera Jr acabou de perder também seu Instagram, que tinha mais de 6 milhões de seguidores. O apresentador, após o comentário homofóbico vem sendo criticado desde então, e o programa Alerta Nacional, que ele apresenta na emissora, vem perdendo patrocinadores, mais de 30 até agora.

“A criançada está sendo usada. Um povo lacrador que não convence mais os adultos e agora vão usar as crianças… Deixa essa tara, não vem para o lado das crianças… A gente tá calado engolindo essa raça desgraçada… O comercial é podre, nojento, ridículo”.

Além da polêmica, perca de anunciantes, do instagram, Sikera responde a uma ação civil pública do Ministério Público Federal e da Associação Nuances (Grupo pela Livre Expressão Sexual), que atua na defesa dos direitos humanos da população LGBTQIA+. No processo, é pedido também que o apresentador e a RedeTV! sejam condenados a pagar R$ 10 milhões por danos morais coletivos. O valor será destinado à estruturação de centros de cidadania LGBTQIA+.