Lula e Bolsonaro se recusam à dar entrevista para a Globo

Lula e Bolsonaro
Lula e Bolsonaro (Foto/Reprodução: Diário do Nordeste)

Com as eleições presidenciais de 2022 se aproximando, a Globo já começa a se preparar para fazer suas tradicionais sabatinas com os candidatos. Iniciando-se com várias entrevistas online comandadas por Renata Lo Prete, no site da emissora e disponíveis posteriormente em podcast. Porém, a Globo não irá contar com os dois líderes das pesquisas, Lula e Bolsonaro.

A Globo convidou todos os candidatos que tinham pelo menos 2% das intenções de voto na última pesquisa. No entanto, nem Lula e nem Bolsonaro confirmaram presença até o dia 03 de junho (data máxima estipulada). O PT até estava presente na reunião, mas não confirmou a presença de Lula.

“A reunião ocorreu de modo remoto, via Teams, e teve representantes de PT, PDT, PMDB e Avante. Representante do PL foi chamado para a reunião, mas não compareceu e, posteriormente, foi informado de que poderia confirmar presença até o dia 3 de junho, mesmo sem ter participado da reunião do dia 31 de maio”, informou a Globo.

Renata Lo Prete inicia a série de entrevistas nesta segunda (13), com o terceiro lugar nas pesquisas, o cearense Ciro Gomes. Já no próximo dia 20, a candidata do MDB, Simone Tebet será a entrevistada, a considerada como “terceira via” pelo Centrão. No dia 11 de julho, será a vez de André Janones.

Lula e Bolsonaro, apesar de serem fortes rivais, têm algo em comum, não gostam da Globo. Isso porque a emissora tanto é crítica ferrenha do governo Jair Bolsonaro, quanto foi uma das que mais foi “responsável” pelo Impeachment de Dilma e a queda do PT, incluindo a prisão de Lula em 2018. Ele inclusive já havia dito que não participaria do Debate da Globo.

Lula ‘imita’ Bolsonaro e ameaça não ir à Debate na Globo

As Eleições de 2022 estão a cada dia se aproximando mais, e a corrida eleitoral desse ano promete ser bem conturbada. E, seguindo os passos de seu maior rival Bolsonaro, Lula afirmou hoje que irá decidir para quais debates participará, e que não irá para todos. O ex-presidente já disse que não irá para o da Jovem Pan, e ainda ameaçou não participar do da Globo, o mais tradicional de todos.

Mesmo que a Jovem Pan tenha se esforçado para conseguir fazer um debate esse ano, o líder nas pesquisas Lula diz que não participará, devido o canal ser Bolsonarista. Então, não irá estar presente na emissora dia 09 de agosto para debater com os concorrentes, e não há quem faça mudar de ideia.

Na visão do PT e de Lula, um debate na Jovem Pan não acrescentaria em nada à sua campanha, nem em repercussão e nem em audiência. Por ser Bolsonarista, a cúpula do partido acredita que o canal possa manipular as falas dele contra ele mesmo. Já Bolsonaro, já confirmou presença e será tratado como estrela. Também são esperadas as presenças de Ciro Gomes (PDT) e Felipe D’Ávilla (Novo).

Segundo informações do site NaTelinha do UOL, mesmo sabendo que será difícil Lula mudar de ideia, a Jovem Pan tentará trazê-lo para o debate, e vem tentando buscar um acordo com o PT. Na visão deles, seria uma derrota não ter o líder das pesquisas em seu primeiro debate.

Lula também afirmou que provavelmente não irá no Debate da Globo. Ele já havia dito que também não concederia entrevistas à emissora, e que só aceitará ser entrevistado se for ao vivo, afim de que a emissora não edite nada. Mesmo liderando as pesquisas, o candidato disse que só irá à emissora se a Globo fizer um pedido de desculpas oficial, já que ele considera que a emissora o prejudicou. Na época de sua prisão, a Globo fez uma cobertura gigante. Em 2006 ele fez o mesmo, e por causa disso não reuniu votos para garantir vitória no primeiro turno.

SEGUINDO OS PASSOS DE SEU RIVAL?

Essa decisão de Lula pode cair como uma luva para os seus inimigos. Já que, em 2018 eles foram os principais a criticar Jair Bolsonaro por se ausentar nos debates. Na época, em 2018 ele só chegou a participar dos debates na Band e RedeTV!, pois sofreu o atentado à faca logo depois. Mesmo após sua recuperação, não quis participar do Debate da Globo no segundo turno, e este teve de ser cancelado.

Haddad, rival de Bolsonaro até tentou ir para o “debate” sozinho, para ser ‘diferente’ de Bolsonaro, mas a Globo recusou, já que seria totalmente diferente do formato original de seus debates.

Total
10
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Previous Post
Dennis Carvalho

Dennis Carvalho está fora da Globo depois de 40 anos

Next Post
Isabel Teixeira

Pai de atriz não gosta de assistir cenas quentes da filha

Related Posts

This website uses cookies. By continuing to use this site, you accept our use of cookies.  Saiba mais