Pocah e Juliette brigam no BBB 21 e filha de pocah é atacada com comentários racistas

Fãs de Juliette levantam tag de apoio após ataques recebidos por Pocah

Após treta de Juliette e Pocah no BBB 21, a cantora começou a receber ataques em suas redes sociais. Inclusive, a equipe chegou a compartilhar vários prints de comentários inaceitáveis, envolvendo até a filha da sister. Os atos racistas foram atribuídos a fãs de Juliette em sua maioria. Os fãs mais ajuizados da maquiadora resolveram subir uma tag no Twitter para apoiar Pocah e afirmar o que os “cactos não apoiam racismo”.

“É louco pensar que essas mensagens, direcionadas a uma criança de 5 anos, são motivadas exclusivamente porque a mãe dela resolveu… votar em um jogo de votação, né?
O que está acontecendo no mundo? O que está acontecendo com as pessoas?
Somos realmente da mesma espécie? A intenção aqui não é culpar A ou B. A intenção é expor o conteúdo dos prints. Me assusta muito que, com o teor das mensagens expostas, vocês estão se preocupando com um emoji. Precisamos REPUDIAR o acontecido, e não buscar justificativas ou confissão de culpa.”
comentou a equipe de Pocah com prints de comentários racistas.

Também nos acompanhe no Facebook, Instagram e Twitter

O perfil de Juliette também se pronunciou e repudiou os ataques criminosos. “Papo rapidinho aqui: reta final, 15 dias pro fim do BBB. Veremos de tudo. Mas continuaremos sem aceitar ver, e repudiando veementemente, qualquer ataque que incite ódio ou seja CRIME. Isso é um jogo, existem limites. Atacar a filha de Pocah é um absurdo. Nós já temos todos os prints de torcida alheia se passando por cacto pra cometer essas atrocidades racistas. Um show de horrores que passa em muito todos os limites. Cactos que fazem isso também têm o nosso repúdio. Vamos buscar ter postura e discernimento nas nossas atitudes e não ferir o próximo. Lembrando que o BBB é um jogo que mexe com vidas, mas precisamos agir com empatia e responsabilidade.”

Na tag podemos encontrar fãs de Juliette prestando apoio a filha de Pocah e reafirmando o que deveria ser obvio.

“Não interessa se é da torcida A, B ou C, racismo é crime. Quem fez isso apenas quis mostrar o quão podre é, pois além de atacar uma CRIANÇA INOCENTE, usa como escudo o “ódio de uma torcida”. comentou uma internauta. “Não dá pra acreditar que ainda existem pessoas tão ridículas no mundo.” escreveu outra. “É desumano ver as pessoas xingarem uma criança por conta de UM VOTO da mãe em um REALITY SHOW. Racismo é crime.” ressaltou uma terceira.