Disney tentou pagar valor milionário para usar a marca STAR+

Disney e Star+
Disney e Star (Foto/Reprodução: Disney)

Mesmo após um processo com a Disney+ envolvendo a marca STAR+, movido pelo streaming STARZ, a Disney não parece disposta a largar o nome no Brasil. Como informa o site Omelete, a empresa do Mickey Mouse tentou resolver a disputa na base do dinheiro. Oferecendo uma indenização de R$ 50 milhões à concorrente. Porém, foi barrado pelo desembargador do processo, Jorge Tosta. O desembargador indeferiu a oferta da empresa até que o caso passe por julgamento.

Isso significa que, caso a Disney vença o processo, poderá pagar o valor oferecido à STARZ para assegurar possíveis danos à agravada, na linguagem do documento. Caso a Disney perca a disputa, a oferta deverá ser anulada. Ou seja, a empresa perderá de vez a oportunidade de usar o nome no streaming. Tendo assim, que correr contra o tempo para conseguir um novo nome até o lançamento, programado para 31 de agosto no Brasil.

A nova audiência para definir o caso está marcada para o dia 24 de agosto. Porém a Disney pretende lançar o seu streaming STAR+ no dia 31 caso consiga a vitória judicial. Se não conseguir, muito provavelmente o streaming, que contará com diversas produções originais, deverá ser adiado. No streaming, serão adicionadas séries mais adultas, em sua maioria produções da FOX e Hulu, por exemplo.

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Previous Post
Celso Freitas

Celso Freitas volta definitivamente ao Jornal da Record após 1 ano e 6 meses

Next Post
Margot Robbie

Margot Robbie diz que está pronta para fazer a Arlequina novamente

Related Posts

This website uses cookies. By continuing to use this site, you accept our use of cookies.  Saiba mais