Marcos Mion fala que era censurado na Record

Marcos Mion
Marcos Mion no Caldeirão (Foto/Reprodução: TV Globo)

Marcos Mion revela que era censurado na Record. O apresentador que é católico, tentava conversar dentro da emissora sobre citar a santa no qual é devoto, entretanto o canal cortava na edição. “Tinha regras e eu as acatei. É claro que falava sobre Nossa Senhora nos programas e eles cortavam na edição. Faz parte do jogo. Eu conversava muito com Ela sobre isso. Não dependia de mim, mas a minha fé não se abalava por isso”, disse Marcos Mion.

O apresentador também disse em uma entrevista que fez um percurso de peregrinação cristã em apenas 3 dias. “As pessoas fazem esse percurso em sete dias. Eu tinha uma meta de caminhar 40 quilômetros por dia. Coloquei rock, para me dar um gás. Na primeira parada, eu desabei. Estava levando aquilo quase como uma competição. Chegava estourado no hotel, sem saber como faria no dia seguinte para andar, mas a gente ganha força; não era mais eu. Me disseram que eu estava andando a 7 quilômetros por hora. Como? Não sei explicar”, afirmou Mion

LEIA TAMBÉM:
Globo analisa com calma os números de Mion e Huck
Marcos Mion será o substituto de Luciano Huck aos sábados

No entanto, ele disse que no percurso conversava com Aparecida bem decepcionado. “Quantas vezes conversei com Ela achando que talvez não fosse mesmo para mim, decepcionado por mais uma vez bater na trave… Mas eu nunca perdi a fé que Jesus Cristo e Nossa Senhora estavam guardando pra hora certa a realização do meu maior desejo. E vamos combinar? Não poderia ser melhor tudo que está acontecendo!”, festeja Marcos Mion.

Com informações do site: TV Pop

Marcos Mion estreia fazendo o Caldeirão bater recorde anual

Marcos Mion fez sua estreia hoje na Globo no comando do Caldeirão. O apresentador que assinou contrato com a Globo no início de agosto, e irá comandar o programa até o mês de dezembro, pelo menos é o que se espera, mas tudo pode mudar. E se depender da estreia, o público de São Paulo parece ter aprovado o apresentador no comando do programa, isso porque logo na estreia, Marcos Mion fez o Caldeirão ter a melhor audiência do ano, superando inclusive a despedida de Huck do formato, e foi visto por mais de três milhões e 244 mil pessoas em São Paulo.

Exibido das 16h30 às 18h36, a estreia de Marcos Mion no Caldeirão, teve média de 15,8 pontos na Grande São Paulo, superando todas as outras juntas somadas. Em segundo lugar, veio a Record, antiga casa de Mion, que marcou 4,6 exibindo o Cine Aventura e o Cidade Alerta, em seguida veio a Band em terceiro lugar com os 3,3 pontos do Brasil Urgente. O SBT, com parte do Programa Raul Gil e as séries caninas de Silvio Santos, ficou na quarta colocação com média de 3,1 pontos.

Essa média é maior que a das últimas quatro semanas de Huck no Caldeirão, que marcaram 13,5 pontos, índice esse que foi puxado pela audiência do último programa, que marcou 15,7 pontos, sendo o recorde anual até aquele momento, que inclusive era a melhor média do programa desde 4 de janeiro de 2020, quando havia marcado 16,7 pontos.

Total
7
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Previous Post
Tiago Leifert é apresentador do Big Brother Brasil

Tiago Leifert só quer saber de descansar

Next Post
Taís Araújo

Taís Araújo comenta que gosta de uma fofoca

Related Posts

This website uses cookies. By continuing to use this site, you accept our use of cookies.  Saiba mais